sbsr
Sofi Tukker
Somersby Stage
21
Jul

On July 16th, 17th and 18th, Super Bock Super Rock returns to the dreamy landscapes of Meco, the new, yet familiar meeting point for thousands of music lovers...

Image

O sucesso dos Sofi Tukker foi tudo menos planeado. Tukker nunca pensou em trabalhar na música, passando grande parte da vida a planear uma carreira como basquetebolista; em relação a Sophie, o sonho de uma vida dedicada à música já existia, mas mantinha essas ambições quase em segredo, sem grandes expectativas. A origem deste duo deu-se por um feliz acaso, quando Sophie Hawley-Eld e Tucker Halpern se encontraram numa galeria na Universidade Brown nos Estados Unidos. A cumplicidade foi imediata e não passaria muito tempo desde esse primeiro encontro até ao primeiro tema viral da banda: impulsionada por um anúncio da Apple, “Drinkee” foi ouvida mais de 20 milhões de vezes no Spotify e foi nomeada para um Grammy na categoria de melhor música de dança. As inúmeras viagens de Sophie acabaram por contribuir para a atmosfera multicultural da música dos Sofi Tukker - um belo exemplo disso são as letras em português, como "Drinkee", com versos do poeta carioca Chacal.

O duo trabalha bem sobre pressão e não se tem intimidado com as crescentes multidões nos concertos, com os elogios da crítica, unânime em reconhecer a qualidade da banda, ou com os milhões de visualizações no Youtube. O EP "Soft Animals" confirma as os créditos, com temas tão fortes como "Matadora" ou "Awoo", exemplos de uma eletrónica que tanto convida à dança como à contemplação, bem próxima do indie pop. Os próximos capítulos reservados para 2018 passam pelo disco de estreia, "Treehouse", e pela participação no Super Bock Super Rock.

Image