sbsr
Ezra Collective
Somersby Stage
19
Jul

A 18, 19 e 20 de julho, o Super Bock Super Rock regressa ao cenário idílico junto à praia do Meco, o novo, mas já familiar ponto de encontro para milhares de amantes de Música..

Image

London is an epicentre for the best jazz music nowadays and Ezra Collective are a fine example of that. These five boys have come together united by the same passion: jazz music and this genre’s potential to be intertwined with other kinds of music. Femi Koleoso, T.J. Koleoso, Joe Armon Jones, Dylan Jones and James Mollison are responsible for this eclectic musical project, while creating their own path on their own language and evoking the greatest names in jazz at the same time. So, in addition to the jazzy technical details, their music is also influenced by afrobeat and hip-hop. Their performances are unforgettable, full of emotion and sensitivity, completely taking over the stage as very few do. After releasing the EP “Chapter 7”, they released “Juan Pablo: The Philosopher” in 2018. The EP was a huge success: the vinyl edition sold out and it took Ezra Collective around the UK and Europe. They were also awarded with The Best Jazz Record at the 2018 Worldwide Gilles Peterson Awards. Their first album, “You Can’t Steal My Joy” will see the light of day this year, in 2019. “Pure Shade”, “Reason in Disguise” and their most recent single, “Quest for Coin”, will be some of the songs you won’t want to miss in Super Bock Super Rock, July 19, at the Palco Somersby. Londres é cada vez mais um epicentro de uma onda de boa música e de uma onda de jazz cheia de qualidade. Os Ezra Collective são um belo exemplo disso mesmo. Estes cinco rapazes juntaram-se, unidos pela mesma paixão: o jazz e o potencial que este género tem para se juntar a outras músicas, sem nunca perder a sua magia original. Femi Koleoso, T.J. Koleoso, Joe Armon Jones, Dylan Jones e James Mollison são os responsáveis por este projecto musical, bem eclético, capaz de evocar grandes nomes do jazz, mas também empenhado em encontrar um caminho próprio, a sua própria linguagem. Por isso, e além dos detalhes técnicos mais jazzísticos, há também afrobeat e hip-hop no som produzido pelos Ezra Collective. As suas atuações são inesquecíveis, cheias de emoção e sensibilidade, dominando o palco como poucos. Depois de editarem o EP “Chapter 7”, a banda editou um outro em 2018, “Juan Pablo: The Philosopher”. E este registo foi mesmo um enorme sucesso: a edição em vinil esgotou e esse acolhimento fez com que os Ezra Collective embarcassem numa tour pelo Reino Unido e pela Europa. “Juan Pablo: The Philosopher” ganhou ainda o prémio para Melhor Disco de Jazz no Worldwide Awards 2018 de Gilles Peterson. O primeiro longa duração da banda, “You Can’t Steal My Joy”, vê a luz do dia neste ano de 2019. “Pure Shade”, “Reason in Disguise” e o mais recente single, “Quest for Coin”, prometem conquistar o público do Super Bock Super Rock, dia 19, no Palco Somersby.

Image